Arquivos do Blog

Solução home office de sugestão

Olá pessoal

Solucao simples.

Solução simples em Azure, custo baixíssimo. Windows 10 pro, maquina D2v3 acessando com recurso Samsung Dex. O Samsung ele ativa o modo desktop e é sensacional. Sem investimento de thinclients. Hoje temos celulares que faz que nem você imagina. Esta solução você pode fazer também investimento baixo com um simples raspberry com S.O Adaptado para o hardware, o raspbian originário do Debian. Pronto, temos um kit para home office.

Veja imagens abaixo.

Laboratório com Windows 10 no Azure

Samsung Dex

Veja imagens abaixo:

Samsung Dex custa em Media R$300,00

Você também pode investir em um Raspberry PI que esta na mesma faixa de preço.

Se caso for comprar mais de um rasp o valor cai.

Você não precisará investir em um sistema operacional pois ele será no Azure. Só o Raspbian com acesso protocolo RDP.

Espero ter ajudado com a Covid.

Não é fácil para as empresas investirem neste momento.

Guia de adoção completo para o Microsoft Teams

Durante as sanções que os governos locais e federais deram a população a ficar em casa por causa do COVID-19 houve uma gigante demanda por ferramentas de áudio e vídeo conferência como Hangout, Zoom e Teams.

Citei estas ferramentas pois são ferramentas extremamente fáceis de usar.

São totalmente faces de íntegras e não requer um conhecimento para usá-la.

Basta alguns minutos de uso que você já pode usar as principais funções de chat, vídeo e áudio.

Neste quesito eu destaco o Microsoft Teams pelas infinitas integrações que ele permite com a ferramentas nativas da Microsoft e não Microsoft.

Pela interoperabilidade de uso em vários sistemas operacionais, além do Windows óbvio, e outros como da Apple, IOS, Android e o Linux também, além de usá-lo através do navegador web se for do seu gosto também.

Chat, áudio e vídeo 1 a 1 ou 1 para vários atev250 pessoas em uma mesma sala ou streaming público para 10mil pessoas.

Realmente a substituição do Skype para o Teams eu custei pois tinha uma grande conhecimento da ferramenta por ter trabalhando em vários projetos de implementação do Skype e ter assistido a evolução da ferramenta no ambiente de nuvem.

Mas como tudo tem um tempo o Skype se tornou só ferramenta de comunicação para ambiente locais.

A partir do momento em que você estuda as funcionalidades da ferramenta a fundo é que você sente que as funcionalidades dela são muito maiores que a anterior.

A característica principal do Teams é o HUB que ela faz com os outros apps da Microsoft e terceiros e a facilidade que você tem de facilitar a centralização das informações em trabalho de equipe.

Eu quis que o texto não se tornasse técnico justamente para você que está lendo sentisse que esta estudando uma escolha de ferramenta de comunicação que o Teams as é uma ótima escolha, seja ela para qual ambiente de trabalho for.

Apesar de ser uma ferramenta onde suas maiores e melhores funcionalidades sejam pagas você pode começar com sua versão free.

Abaixo segue uma tabela que tem as comparações da versão free e paga.

Suas versões sempre estão atreladas a alguma suíte básica ou completa do Office 365.

Eu estou compartilhando com vocês um guia de adoção super completo para você conhecer para que finalidade você pode engajar para cada departamento da sua empresa.

No guia tem o material por perfis de departentos. Por exemplo para equipes de marketing, administração, engenharia e por onde começar em cada perfil de departamento dentro da sua organização.

Por exemplo Governança para administradores ou governança para usuários finais.

Dicas e truques para uso e aprendizado rápido.

Se você tem uma intranet como WordPress, SharePoint ou seu website você pode colocar banners para fomentar o Teams ou para sua empresa ou para seu cliente.

Timeline para o plano de adoção e até carta de apresentação da ferramenta para seu cliente e organização.

Para empresas ou pessoas que querem ter o Teams como ferramenta de comunicação centralizada o Teams tem também função de PABX.

Algumas funcionalidades:

Saiba mais sobre a voz na nuvem

Os artigos a seguir fornecem mais informações sobre a implantação e o uso de recursos de voz na nuvem no Teams:

para habilitar os recursos de controle de chamada e PBX (Private Branch Exchange) na nuvem do Office 365. O sistema telefônico permite substituir seu sistema de PBX (Exchange Branch Exchange) existente por um conjunto de recursos entregues diretamente do Office 365 e totalmente integrado à experiência de produtividade na nuvem da empresa

Abaixo segue o link do material rico de informações e tenho certeza que você irá apreciar e irá trazer está ferramenta para sua organização.

https://1drv.ms/f/s!An-dPolj_Ee_iPhfoBIN3-3iv1frqg

Dúvidas entre em contato.

Abraços

Curso EAD de Azure e AWS

Pessoal

Ao longo de 2017 e 2018 fizemos pelo menos 25 turmas de AWS e Azure entre aulas presenciais e aulas ao vivo.

Todas com muita dedicação e agora estamos lançando para uma melhor comodidades EAD.

Aproveitamos as aulas gravadas e editamos tudo que foi melhor das aulas ao vivo.

Será uma melhor comodidade para quem não é de SP.

Os valores estão promocionais.

Além da aula o aluno terá suporte nas segundas-feiras para Azure e AWS as quartas comigo mesmo.

A Tempo Real eventos como sempre parceira e nos apoiando com qualidade.

Veja a primeira hora de Azure e AWS como cortesia.

Acesse o site:

https://www.temporealeventos.com.br/aws-ead/

https://www.temporealeventos.com.br/azure-ead/

Espero que gostem.

Abracos

Modelos de migração IaaS para Azure parte 01

Olá pessoal

Muita gente tem dúvida ou quer ter ideia de como levar seus, servidores, workloads e apps locais para nuvem.

Pois bem, o maior desafio e um administrador ou gestor é levantar informações para apresentar ao seu superior o investimento em capex que vai utilizar pelo menos nos próximos 5 anos.

Dependendo do levantamento o valor mesmo diluído pode até passar mais de 5 anos pagando seu capex através de financiamentos e o que investiu depreciou.

Isso é um tormento por que passa os 5 anos e novamente seu parque de hardware e software está ultrapassado.

E vai além por que dependendo do tempo você estende para mais tempo perdendo até em conhecimento e atualização de capacidade do time de TI.

A nuvem traz capacidade de investimento baixo inicial, capacidade de crescimento rápido, sazonalidade e elasticidade.

A orientação que estamos passando independe de nuvem e neste post irei mostrar como podemos decidir levar seus insumos para o Azure.

Normalmente o cliente quer levar “AS IS”, ou seja quer levar do jeito que é seu parque.

Mas para otimizar e melhorar o uso e adoção para jornada para nuvem o aconselhamento é analisar o quanto cada servidor ou aplicação está consumindo.

Quando você trabalhava com seu ambiente de hardware puro você avaliava o quanto sua aplicação estava consumindo e comprava um hardware com o dobro da capacidade para manter o ambiente com performance e espaço.

Depois veio a era da virtualização e já melhorou e deu disponibilidade de o ambiente ser migrado para outro ambiente de host com mais flexibilidade e rapidez de transferência de um host para o outro. Não se preocupando muito com o tamanho da máquina e mantendo ainda performance e espaço.

Com o advento da nuvem recebemos o boom da transformação e avaliar realmente o que pode ser feito e avaliar em detalhes o que o seu servidor esta consumido em alguns pilares:

  1. CONSUMO DE PROCESSAMENTO
  2. CONSUMO DE MEMORIA
  3. CONSUMO DE ESPAÇO EM DISCO
  4. CONSUMO DE I/O DE DISCO
  5. CONSUMO DE BANDA

Estes 5 pilares te credenciam preferencialmente em ambiente Iaas (Infraestrutura como serviço) a garantir que você terá um custo baixo com boa performance.

Para isso irei mostrar 2 ferramentas que você pode utilizar para avaliar ir para nuvem com saúde e performance.

Microsoft Azure Virtual Machine Readiness Assessment.

Esta ferramenta lhe traz um relatório e lista de verificação bem detalhado de Workloads e Servidores que estão prontos e gabaritados para nuvem Azure.

Para baixar esta ferramenta clique neste link https://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=391029&clcid=0x416

Instale a ferramenta que é bem simples e siga os passos.

Aguarde a instalação finalizar.

Ferramenta finalizada agora vamos analisar.

A ferramenta permite que eu faça analise de um ambiente Active Directory, SQL Server e Sharepoint.

Ele checa requisitos do ambiente para que você possa coletar de forma correta.

Alguns requisitos de banda são necessários para a analise.

Requisitos de Firewall são necessários para que a ferramenta possa analisar de forma correta.

Requisitos de localidade são importantes para que sejam criados ambiente no Azure.

Muito importante informa se o ambiente é de produção, dev ou teste.

Importante se o que você irá levar para o Azure será dados ou a imagem VHD e se os requisitos cobrem a levar imagem de sua máquina virtual ou física local.

Como mencionei acima é importante se a sua aplicação tem participação no uso de I/O de disco para que seja escolhido de forma correta os modelos de maquinas no Azure.

Se seu ambiente tem DR (Disaster Recover)

Neste caso está sendo coletado dados de um ambiente de Active Directory.

Finalizado irá gerar um relatório.

Salve em um diretório onde possamos ver o relatório de laboratório.

O relatório eu coloquei neste link para ser analisado que é montado um template com informações do Active Directory e através dele é possível informações de objetos de dados de servidores da sua rede.

Baixe aqui https://1drv.ms/w/s!An-dPolj_Ee_g5Qw45EZwP5FkwkErg

Fique ligado no próximo post

Até mais

Cloud Treinamentos – Linux no Azure

Olá Pessoal

Divulgando antes do lançamento dos cursos em Cloud Treinamentos estamos disponibilizando videos com pequenas demonstrações das tecnologias.

Não esqueça de acessar o Blog do Cloud Treinamentos em http://www.cloudtreinamentos.com.br/blog

Espero que gostem.

Ao redor do buraco tudo é beira!

Um cavalo morto é um animal sem vida!

Exame

Notícias do Brasil e do Mundo. Economia, Política, Finanças e mais. ➤ Entrevistas, Análises e Opinião de quem entende do Assunto! ➤ Acesse!

Project THOR

Technical and Human infrastructure for Open Research

randieri.com

Il blog di Cristian Randieri

TEC OFFICE PRODUTIVO

Tec Office Produtivo é um grupo de treinamentos, dicas e tutorias de informática sobre aplicativos utilizados em escritórios.

GOLD RECIPES.

GOLD RECIPES.

Escadas Especiais

Projetos, fabricação e instalação de escadas em geral

%d blogueiros gostam disto: