Arquivo da categoria: Amazon

Como instalar e configurar o Prometheus em um servidor Linux

O Prometheus é um sistema de monitoramento de código aberto muito leve e com um bom mecanismo de alerta.

Instalar e configurar o Prometheus

Este guia explica como instalar e configurar o Prometheus mais recente em uma VM Linux.

Se desejar instalar o Prometheus em um cluster Kubernetes, consulte o guia Prometheus no kubernetes .

Antes de você começar

  1. Certifique-se de ter acesso sudo ao servidor Linux, pois os comandos usados ​​neste guia requerem privilégios elevados.
  2. O servidor tem acesso à Internet para fazer download do binário do Prometheus.
  3. Mais importante ainda, regras de firewall abertas para acessar a porta 9090 do Prometheus no servidor.

Configurar binários do Prometheus

Etapa 1: Atualize os repositórios de pacotes yum.

sudo yum update -y

Etapa 2: Vá para a página de downloads oficial do Prometheus   e obtenha o link de download mais recente do binário do Linux.


Etapa 3: Baixe o código-fonte usando curl, descompacte-o e renomeie a pasta extraída para arquivos prometheus.

curl -LO url -LO https://github.com/prometheus/prometheus/releases/download/v2.22.0/prometheus-2.22.0.linux-amd64.tar.gz

tar -xvf prometheus-2.22.0.linux-amd64.tar.gz

mv prometheus-2.22.0.linux-amd64 prometheus-files

Etapa 4: crie um usuário do Prometheus, os diretórios necessários e torne o Prometheus o usuário como o proprietário desses diretórios.

sudo useradd –no-create-home –shell / bin / false prometheus

sudo mkdir / etc / prometheus

sudo mkdir / var / lib / prometheus

sudo chown prometheus: prometheus / etc / prometheus

sudo chown prometheus: prometheus / var / lib / prometheus

Etapa 5:  Copie o prometheus e o binário do promtool da pasta prometheus-files para / usr / local / bin e altere a propriedade para o usuário prometheus.

sudo cp prometheus-files / prometheus / usr / local / bin /

sudo cp prometheus-files / promtool / usr / local / bin /

sudo chown prometheus: prometheus / usr / local / bin / prometheus

sudo chown prometheus: prometheus / usr / local / bin / promtool

Etapa 6:  Mova os consoles e os diretórios console_libraries dos arquivos prometheus para a pasta / etc / prometheus e altere a propriedade para o usuário prometheus.

sudo cp -r prometheus-files / consoles / etc / prometheus

sudo cp -r prometheus-files / console_libraries / etc / prometheus

sudo chown -R prometheus: prometheus / etc / prometheus / consoles

sudo chown -R prometheus: prometheus / etc / prometheus / console_libraries

Definir a configuração do Prometheus

Todas as configurações do prometheus devem estar presentes no arquivo /etc/prometheus/prometheus.yml.

Etapa 1: Crie o arquivo prometheus.yml.

sudo vi /etc/prometheus/prometheus.yml

Etapa 2: Copie o seguinte conteúdo para o arquivo prometheus.yml.

global:

scrape_interval: 10s

scrape_configs:

– job_name: ‘prometheus’

scrape_interval: 5s

static_configs:

– destinos: [‘localhost: 9090’]

Etapa 3: altere a propriedade do arquivo para o usuário prometheus.

sudo chown prometheus: prometheus /etc/prometheus/prometheus.yml

Arquivo de serviço de configuração do Prometheus

Etapa 1: Crie um arquivo de serviço prometheus.

ao sul você /etc/systemd/system/prometheus.service

Etapa 2: copie o seguinte conteúdo para o arquivo.

[Unidade]

Descrição = Prometheus

Want = network-online.target

Depois de = network-online.target

[Serviço]

Usuário = prometheus

Grupo = prometheus

Tipo = simples

ExecStart = / usr / local / bin / prometheus \

–config.file /etc/prometheus/prometheus.yml \

–storage.tsdb.path / var / lib / prometheus / \

–web.console.templates = / etc / prometheus / consoles \

–web.console.libraries = / etc / prometheus / console_libraries

[Instalar]

WantedBy = multi-user.target

Etapa 3: recarregue o serviço systemd para registrar o serviço prometheus e inicie o serviço prometheus.

sudo systemctl daemon-reload

sudo systemctl start prometheus

Verifique o status do serviço prometheus usando o seguinte comando.

sudo systemctl status prometheus

O status deve mostrar o estado ativo conforme mostrado abaixo.


Access Prometheus Web UI

Agora você poderá acessar a IU do prometheus na porta 9090 do servidor prometheus.

http: // <prometheus-ip>: 9090 / gráfico

Você deve ser capaz de ver a seguinte IU, conforme mostrado abaixo.


Você pode usar a guia de consulta do prometheus para consultar as métricas disponíveis, conforme mostrado no show abaixo.


No momento, acabamos de configurar o servidor Prometheus. Você precisa registrar o destino no prometheus.ymlarquivo para obter as métricas dos sistemas de origem.

Por exemplo, se você deseja monitorar dez servidores, o endereço IP desses servidores deve ser adicionado como um destino na configuração do Prometheus para eliminar as métricas.

O servidor deve ter o Node Exporter instalado para coletar todas as métricas do sistema e disponibilizá-las para que o Prometheus as descarte

Bom pessoal, espero que tenha ajudado com este post.

Boletim Semanal Azure #344

alimentado por endjin

Bem-vindos ao número 344 do Azure Weekly. Vamos começar com alguns artigos interessantes de dados & análises: Data Wrangling at Scale with ADF’s Power Query Activity, agora Geralmente Disponível, gostei deste post sobre Building Scalable Lakehouse Solutions usando a Azure Synapse Analytics. E James Serra tem uma boa escrita sobre o recente GA Azure Purview

  Há dois novos cursos em destaque nesta semana: um novo currículo de ciência de dados no GitHub acaba de ser lançado com 20 aulas gratuitas, e também novos cursos de Microsoft Learn para OZure Migrate App Containerization

  Na arena de aplicativos sem servidor / API / Web Apps, o suporte ao Azure Functions Python 3.9 está agora geralmente disponível, e um guia arquitetônico para aceitar apenas o tráfego de um serviço especificado em frente aos serviços de backend

  Finalmente, há um artigo interessante sobre o Zero Trust, destacando que a Casa Branca assinou uma ordem executiva pedindo melhorias na segurança cibernética do país em “Orientação de integração ajuda parceiros a fornecer soluções zero trust“, e para aqueles que têm apoiado trabalhadores remotos com o Azure Virtual Desktop, o Windows 11 está agora geralmente disponível. Eu tenho usado o Windows 11 a semana toda e tem sido uma experiência esmagadoramente pós-iva.

         Se você tiver algum conteúdo que queira contribuir para a newsletter, por favor, twitte @AzureWeekly ou envie um e-mail para AzureWeekly@endjin.com.     

         Interessado em Power BI? Inscreva-se em nossa newsletter irmã Power BI Weekly para receber todas as notícias do Power BI da semana.     

@HowardvRooijen@endjin

AI + Machine Learning

Cobertura: Detector de anomalias, Serviço Azure Bot, Azure Machine Learning, Azure Open Datasets, Bing APIs, Cognitive Services, Computer Vision, Content Moderator, Custom vision, Data Science Virtual Machines, Face, Form Recognizer, Immersive Reader, Ink Recognizer, Language Understanding (LUIS), Machine Learning Studio, Microsoft Genomics, ML.NET, Personaliser, Project Cortex, QnA Maker, Reconhecimento de Alto-Falantes, Voz a Texto, Tradução de Fala, Análise de Texto, Texto para Fala , Texto a Discurso Discurso do Tradutor, Texto tradutor     

Analytics

Cobertura: Apache Spark for HDInsight, Apache Storm for HDInsight, Azure Analysis Services, Azure Data Explorer, Azure Data Share, Azure Databricks, Azure Stream Analytics, Azure Synapse Analytics, Data Catalog, Data Factory, Data Lake Analytics, Event Hubs, HDInsight, .NET for Apache Spark, R Server for HDInsight, Azure Purview     

Computação

Cobertura: Azure CycleCloud, Azure Dedicated Host, Azure Functions, Azure VMware Solution by CloudSimple, Batch, Cloud Services, Linux Virtual Machines, SAP HANA on Azure Large Instances, Service Fabric, Virtual Machines, Virtual Machine Scale Sets     

Container

Cobertura: Azure Kubernetes Service (AKS), Azure Red Hat OpenShift, CNAB, CNCF, Container Instances, Container Registry, Porter, WSL, Web App for Containers     

Bancos

Cobertura: Azure Cosmos DB, Banco de Dados Azure para MariaDB, Banco de Dados Azure para MySQL, Banco de Dados Azure para PostgreSQL, Banco de Dados Azure SQL, Azure SQL Database Edge, Azure Cache for Redis, SQL Data Warehouse, SQL Server em máquinas virtuais, SqL Server Stretch Database, Armazenamento de tabela     

Ferramentas para desenvolvedores

Cobertura: Configuração de aplicativos, Serviços de Laboratório Azure, CLIs, Integrações de ferramentas de desenvolvedores, SDKs, Visual Studio, Visual Studio Code, Visual Studio Online     

DevOps

Cobertura: Artefatos Azure, Placas Azure, Azure DevOps, Azure Pipelines, Azure Repos, Azure Test Plans, Azure DevTest Labs, Integrações de ferramentas DevOps     

Híbrido

Cobertura: Arco Azure, Pilha de Azure     

Identidade

Cobertura: Azure Active Directory (AD), Azure Active Directory B2C, Azure Active Directory Domain Services     

Integração

Cobertura: Api Azure para FHIR, Grade de Eventos, Aplicativos Lógicos, Ônibus de Serviço     

Internet das Coisas

Cobertura: Azure Digital Twins, Azure IoT Central, Azure IoT Edge, Azure IoT Hub, aceleradores de soluções Azure IoT, Mapas Azure, Esfera Azure, Insights da Série Azure, IoT DevKit, WildernessLabs, Windows 10 IoT Core Services     

Certificações

Cobertura: Certificações Microsoft, Certificações Azure, Caminhos de Aprendizagem da Microsoft, Informações sobre Caminhos de Certificação     

Gestão e Governança

Cobertura: Automação, Azure Advisor, Azure Backup, Azure Blueprints, Azure Lighthouse, Azure Managed Applications, Azure mobile app, Azure Monitor, Azure Policy, Azure Resource Manager, Azure Service Health, Azure Site Recovery, Cloud Shell, Cost Management, Portal Microsoft Azure, Scheduler, Azure Purview     

Mídia

Cobertura: Azure Media Player, Proteção de Conteúdo, Codificação, Transmissão ao vivo e sob demanda, Análise de Mídia, Serviços de Mídia, Indexador de Vídeo     

Migração

Cobertura: Serviço de migração de banco de dados Azure, Migração do Azure, Caixa de Dados     

Serviços Moveis

Cobertura: App Service (Mobile), aplicativos móveis, centros de notificação, visual studio app center, Xamarin     

  • Sem conteúdo esta semana

Rede

Cobertura: Portal de aplicativos, Azure Bastion, Azure DNS, Azure ExpressRoute, Azure Firewall, Azure Firewall Manager, Azure Front Door, Azure Internet Analyzer, Azure Private Link, Content Delivery Network, Load Balancer, Network Watcher, Traffic Manager, Virtual Network, Virtual WAN, VPN Gateway, Firewall de Aplicativos Web     

Segurança

Cobertura: Proteção Azure DDoS, Proteção de Informações Azure, Azure Sentinel, Key Vault, Security Center     

Armazenamento

Cobertura: Armazenamento de arquivo, Avere vFXT para Azure, Azure Data Lake Store, Azure FXT Edge Filer, Azure HPC Cache, Arquivos Azure NetApp, Blob Storage, Armazenamento em Disco, Armazenamento de Arquivos, Discos Gerenciados, Armazenamento de Filas, Contas de Armazenamento, Explorador de Armazenamento, StorSimple     

Teia

Cobertura: Aplicativos de API, Gerenciamento de API, App Service (Web), Pesquisa Cognitiva Azure, Serviço Azure SignalR, Azure Spring Cloud, aplicativos da Web     

Azure Virtual Desktop

Cobertura: Azure Virtual Desktop     

Liderança do pensamento de endjin

Links úteis

Diferenças de POC, Piloto, Teste ou Try and Buy

Olá pessoal

Com advento de cloud e produtividade ter massificação exponencialmente muitas empresas, corporações tem pedido alguma forma de saborear, testar e se suas aplicações, servidores são aderentes ao uso em cloud.

Isto posto a massificação de pedidos de POC (Prova de conceito ou proof of concept) tem crescido muito.

Mas qual as definições de uma POC ou um piloto ou um teste ou try and buy como você preferir.

Na área de arquitetura isso tem bastante diferença na hora que o cliente pede este tipo de modelo de negócio assim seja.

Geralmente o pedido de POC não tem custo, já os modelos de Piloto, teste ou try and buy tem uma profundidade técnica ou de estudo dos workloads e aplicações dos cliente que de alguma maneira geram custo sejam ele pequeno ou não.

POC – Prova de Conceito ou Proof of concept:

É uma forma de demonstração básica de um serviço, plataforma ou infraestrutura que pode ou não coincidir com algum serviço que você tem semelhante em seu ambiente. Óbvio que estou focando em cloud.

Geralmente os fabricantes como Azure, AWS e Google Cloud e os integradores parceiros e seus arquitetos ou BDMs mais técnicos já tem laboratórios e ambientes prontos para demonstrar e satisfazer a relação comercial. Isso gera bastante resultado em fechamentos de negócios ao mostrar funcionando em tempo real  algum laboratório que o cliente gostaria de ver.

No site do Wikipédia tem uma otima definição de POC em seu contexto geral.

https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Prova_de_conceito#:~:text=A%20PoC%20%C3%A9%20considerada%20habitualmente,constru%C3%A7%C3%A3o%20j%C3%A1%20seja%20operacional…

Em resumo o POC na sua definição não é um teste direto em um ambiente de produção ou homologação e até desenvolvimento do cliente.

Ha muitos POC que ainda hoje o cliente confunde bastante que seu ambiente deve ser testado. Mas a definição é outra.

Piloto, Teste ou Try And Buy: Agora sim este é uma definição de que o cliente já fez o POC, conheceu o produto ou serviço e quer tracionar se sua aplicação, infraestrutura, plataforma e ou produtividade tem aderência com seu negócio.

Este tipo de modelo tem variações pois ele é antecessor a que vai virar efetivamente um projeto.

Normalmente é feito um assessment no ambiente do cliente, feito todo mapeamento de workload, infra ou aplicação, feito adaptações para que o ambiente funcione ou não.

Neste caso o fabricante ou integrador seleciona uma equipe para realizar os teste gerando horas de trabalho e obvio que em algumas organizações ela aposta que o negócio será fechado ou movimenta o número de horas gastas para o projeto. Afinal nenhuma organização vive sem rentabilidade.

Diferente de ambientes físicos em ambiente de cloud e produtividade os fabricantes disponibilizam direto servicos sem custo ou um crédito que possibilita a qualquer pessoa no globo terrestre seja ela curiosa ou não.

Os fabricantes como Microsoft Azure e Microsoft  365 disponibilizam créditos de Azure e 1 mês para uso das ferramentas da suíte Microsoft 365.

A AWS, Google Cloud, Oracle e Alibaba disponibilizam créditos para POC, teste suficiente para que você possa fazer sozinho ou contratar um canal ou parceiro para jornada da nuvem.

A Vmware tem um laboratório de teste interessante online onde você pode testar as funcionalidades da ferramenta na integra sem custo.

Espero que você tenha entendido e eu vou deixar vários links onde você pode adquirir seus créditos ou testar.

Office 365 E3 – você pode testar na integra por 1 mês 25 contas do Office 365 E3 – https://signup.microsoft.com/create-account/signup?offerid=B07A1127-DE83-4a6d-9F85-2C104BDAE8B4&dl=ENTERPRISEPACK&ispolaris=1&culture=pt-br&country=BR&ali=1&products=cfq7ttc0k59j:0009

Para quem já tem a suíte é mais fácil ainda basta seguir os DOCS da Microsoft para testar – https://docs.microsoft.com/pt-br/microsoft-365/commerce/try-or-buy-microsoft-365?view=o365-worldwide#try-or-buy-a-microsoft-365-subscription

Microsoft Azure – Você tem por volta de $200,00 dólares ou R$900,00 para testar durante 1 mês e vários serviços que permite o teste até 12 meses gratuitamente. https://azure.microsoft.com/pt-br/free/search/?&ef_id=Cj0KCQjwyJn5BRDrARIsADZ9ykFQ8mfTq4KWQ1NYHmwU4RMf6_IuAhu3Z6LELXk1v_PMqqNcbTKcYPgaAu3TEALw_wcB:G:s&OCID=AID2100014_SEM_Cj0KCQjwyJn5BRDrARIsADZ9ykFQ8mfTq4KWQ1NYHmwU4RMf6_IuAhu3Z6LELXk1v_PMqqNcbTKcYPgaAu3TEALw_wcB:G:s&dclid=CM_Pre7l_OoCFRUyuQYdEGMHaA

AWS – Voce cria sua conta, recebe um crédito para uso e varios serviços para uso gratuito de até 12 meses, veja neste link https://aws.amazon.com/pt/free/?all-free-tier.sort-by=item.additionalFields.SortRank&all-free-tier.sort-order=asc

Google Cloud Platform – O GCP tem $300,00 dólares para você testar os produtos e serviços da ferramenta.

Como nas concorrentes o GCP tem vários servicos gratuitos para teste. https://cloud.google.com/free?gclsrc=aw.ds&&utm_source=google&utm_medium=cpc&utm_campaign=latam-BR-all-pt-dr-bkws-all-all-trial-b-dr-1009133-LUAC0008676&utm_content=text-ad-none-none-DEV_m-CRE_442845170121-ADGP_BKWS+%7C+Multi+~+General+%7C+Trial-KWID_43700042337576968-kwd-721792953087-userloc_1001765&utm_term=KW_%2Bgoogle%20%2Bcloud%20%2Btrial-ST_%2BGoogle+%2BCloud+%2BTrial&gclid=Cj0KCQjwyJn5BRDrARIsADZ9ykGktidBSfP1dk4GkNJOqUA5YX1au_gvOaXqcMpayurp_RHcgNvTdDsaAl3OEALw_wcB

Vmware – A vmware disponibiliza laboratórios para teste e isso faz muito a diferença na escolha de seus serviços. https://labs.hol.vmware.com/HOL/catalogs/catalog/1212

Eu nao mencionei acima mas a Citrix também tem seus Labs e a Dell deu uma mão para quem quer testar.

https://www.citrix.com/pt-br/global-partners/dell/education.html

https://demo.citrix.com/login

Acredito que tenha dado um overview sobre este tema.

Até mais pessoal

Amazon FSX – Seu FileServer na Nuvem

Olá pessoal

Hoje eu vou mostrar como montar seu servidor de arquivos na nuvem sem servidor. É seu servidor sem servidor com Amazon FSX. Ferramenta sensacional.

Mas Fábio eu não preciso de servidor para acessar o ambiente? Sim. É um serviço de plataforma baseada em instancia Windows.

Simples e totalmente gerenciado

Você não precisa mais se preocupar com a configuração e o provisionamento de servidores de arquivos e volumes de armazenamento, atualização de hardware, configuração de software ou execução de backups. Em minutos, você pode criar um sistema de arquivos totalmente gerenciado.

Compatibilidade nativa

Com sistemas de arquivos de terceiros totalmente gerenciados, você obtém compatibilidade nativa que suporta os recursos, desempenho e segurança do sistema de arquivos nos quais você confia hoje, sem necessidade de alterações em seus aplicativos.

Uma arquitetuta de ambiente em redes AWS

Uma arquitetuta de ambiente em VPN.

Integrações da AWS

O Amazon FSx integra os sistemas de arquivos de terceiros com serviços AWS nativos da nuvem, tornando esses sistemas de arquivos úteis para um conjunto ainda mais amplo de cargas de trabalho.

Para montar a plataforma é muito simples.

Coloque o nome do system name e defina o tamanho do volume que você irá usar.

O segundo passo é definir a rede, a zona e região que ele irá pertencer. Importante saber que por traz é uma instancia e totalmente gereciavel pela AWS.

Então você não se preocupa com a infraestrutura do ambiente.

O FSX exige que tenha um serviço de diretório para que faça as realizações de autenticação.

Crie o diretório.

O serviço de diretório tem 4 tipos de serviços, baseado em AD, Simple AD baseado em SAMBA, AD conector você pode integrar através de ADFS proxy o seu serviço e grupos de usuários do sérvio do AMAZON Cognito.

No caso estamos usando o serviço baseado no File Server Windows, então use o serviço baseado no AD.

OBS: O passo a passo do AD não está incluso aqui.

Como estamos fazendo um lab eu irei usar o serviço de tamanho pequeno, com dns fabiopereirasilva.local

Demora uns 25 minutos a criação do AD do Linux e mais ou menos 1 hora o AD do Windows, então tenha paciência.

Escolha o tipo de encriptação que será usado, neste caso o padrão default.

A manutenção é opcional, mas não arrisque, já mantenha uma política de backup já ativa para não ter problemas posteriores.

Verifiquei se esta tudo certo e crie o servidor.

Agora só aguardar a criação para dar sequência.

Pronto ambiente criado.

Vamos agora criar um diretório.

No serviço de diretório vamos criar uma pasta em Cloud Directory.

Criei a pasta teste123.

Para usar o serviço de fora da rede da AWS é preciso se conectar através de VPN.

Neste laboratório use uma maquina dentro da rede da AWS.

O método ai é igual ao tradicional.

net use H: \\fs-03d5694ee45130c14.fabiosilvapereira.local\teste123

Um exemplo de mapeamento via MSDOS.

Via meu computador

Mais informações a fonte é https://docs.aws.amazon.com/fsx/latest/WindowsGuide/migrate-to-fsx.html

Espero que com este post você seja capaz de usar o Serviço FSX da AWS.

Até a próxima.

Comparativo de serviços de CLOUD (AZURE, AWS e GCP)

Olá pessoal

Primeiro post do ano, mas com algumas atualizações e comparativos de serviços de cloud.

É dificil avaliar os serviços e comparar das clouds publicas das 3 principais clouds do mercado AWS, Azure e Google cloud platform.

Muita gente compara, mas são clouds com conceitos bem diferentes uma da outra e a forma de trabalhar também.

Eu fiz uma atualização destes serviços e fiz um infografico para analisar e desfrutar dos serviços parecidos ou concorrentes.

Espero que gostem e segue abaixo:

Quem quiser baixar em PDF comparativo-azure-gcp-aws

Leia o resto deste post
Sulamita Dantas

DBA SQL Server & Analista BI

Ao redor do buraco tudo é beira!

Um cavalo morto é um animal sem vida!

Exame

Notícias do Brasil e do Mundo. Economia, Política, Finanças e mais. ➤ Entrevistas, Análises e Opinião de quem entende do Assunto! ➤ Acesse!

randieri.com

Il blog di Cristian Randieri

TEC OFFICE PRODUTIVO

Tec Office Produtivo é um grupo de treinamentos, dicas e tutorias de informática sobre aplicativos utilizados em escritórios.

GOLD RECIPES.

GOLD RECIPES.

%d blogueiros gostam disto: